7

Cimento queimado: bom, bonito e barato!

Elyzia Rodrigues | 22.9.15 | | | | |
O piso de cimento queimado sempre foi muito comum nas casas brasileiras e há alguns anos vem sendo bastante utilizado em projetos mais sofisticados de arquitetura, tanto sozinho em grandes superfícies quanto junto a outros materiais mais nobres.

Foto: Arquidecor

Feito de cimento, areia e água é um revestimento resistente e durável, sua principal característica é o preço bastante acessível, o que o torna muito popular, porém é um piso que exige uma aplicação cuidadosa feita por profissionais que tenham  domínio sobre a técnica, pois é muito comum que o piso depois de aplicado apresente problemas de fissuras, trincas e manchas.

Para que o cimento queimado fique perfeito, o contrapiso deve estar bem nivelado, sem depressões ou saliências, sem esfarelamento, sem sujos de graxa, óleos ou outros tipos de produtos, é importante que também seja áspero o suficiente para ter boa aderência ao processo de "queima".

Mas como se queima o cimento?

O adjetivo "queimado" nada tem a ver com a utilização de fogo ou maçaricos, queimar aqui quer dizer: polvilhar o pó de cimento seco sobre o piso molhado de cimento, areia e água, e espalhá-lo com desempenadeira metálica com o objetivo de tornar a superfície do piso lisa e nivelada.

Dá pra explicar melhor? Sim, claro! 

Foto: Natália Noleto

A ABCP (Associação Brasileira de Cimento Portland) disponibiliza em seu site um documento que ensina como fazer e aplicar o “cimento queimado”.

Veja um trecho deste documento: 

" Execução – Piso queimado convencional 

1. Limpeza do contrapiso. Não são indicados contrapiso em caliça, brita, saibro, argila ou areia compactada devido à grande possibilidade de fissurações; 

2. Divisão da área do piso em quadrados, formados por guias (madeira de lei, mármore, granito ou material plástico) com espessura de 1 cm e altura de 3 cm. As guias servirão como gabarito para nivelamento da argamassa de revestimento, portanto, deverão estar niveladas. Por se tratar de um material que dilata muito após a cura, a junta é essencial. A recomendação para o uso é a colocação da junta com distância entre 1 m e 1,50 m e nas áreas de afunilamento;

3. Caso a superfície não apresente aspereza necessária para uma boa aderência, aplicar uma camada de chapisco (espessura média de 5 mm) em argamassa de cimento e areia grossa lavada, traço 1:3 em volume, aditivada de resina adesiva vinílica na proporção indicada pelo fabricante;

4. Aplicação da argamassa base em cimento e areia fina lavada, traço 1:3 em volume, em quadrados alternados, como um tabuleiro de xadrez. A espessura média da argamassa base deverá ser de 3 cm ou 2,5 cm quando aplicado o chapisco de aderência, variando de acordo com a regularidade da
superfície do contrapiso. Recomenda-se adição de um aditivo plastificante para evitar fissuras por retração e melhorar a trabalhabilidade da argamassa e/ou aditivo impermeabilizante para áreas úmidas, ambos na proporção indicada pelo fabricante;

Foto: Cupom

5. Alisamento da argamassa preferencialmente com régua metálica, utilizando-se das guias divisórias dos quadros de nivelamento;

6. Polvilhamento de cimento seco sobre a superfície ainda fresca, na razão de 0,5 kg/m² e alisamento suave do cimento polvilhado com desempenadeira de aço, sem pressionar a argamassa base;

7. Cura. Logo após o término do alisamento e assim que a superfície apresente firmeza ao toque, deverá ser borrifada água em abundância e várias vezes, até a idade de pelo menos três dias;

8. Após 24 horas do fim do trabalho, passa-se lixa fina sobre as juntas e imperfeições."

Ficou mais claro com é feita aplicação? 

Continuando...

Foto: Bol

O piso de cimento queimado pode ser usado tanto em pisos como em paredes, bancadas e fachadas externas. É resistente á abrasão, de manutenção e limpeza fácéis. 

O cimento queimado pode ser aplicado tanto em áreas internas como externas, mas é preciso cuidado, pois sua superfície é muito lisa e em áreas molhadas pode não ser seguro, além disso, é um piso que reage com xampú, sabonete, óleos e detergentes. 

Foto: Arquidicas

Um detalhe importante é que o piso pronto pode apresentar diferenças na coloração, para evitar esse problema, procure utilizar materiais do mesmo lote.

O cimento queimado normalmente é cinza, mas se quiser um piso mais branco utilize cimento branco com pó de mármore. 

Para obter piso colorido adicione corantes da cor de sua preferência. 

No mercado podemos encontrar materiais como o cimento polimérico, que apresenta um aspecto final muito próximo do cimento queimado e é mais resistente, o que evita as trincas, além de proporcionarem uma maior uniformidade na coloração.

Outra solução para se conseguir um piso de “cimento queimado” uniforme é a opção de argamassas pré-fabricadas que já vêm prontas para a aplicação.

Foto: Cornestone Architects

Há quem prefira também dar sofisticação ao piso. Neste caso, a substituição do cimento comum pelo cimento branco estrutural, revestido por resina plástica, transmite um efeito semelhante ao do porcelanato.

Há ainda o tecnocimento – um revestimento com espessura de 2 mm, que usa pó de limestone (espécie de pó de pedra), pó de mármore ou pó de quartzo no lugar da areia, e que dispensa juntas de dilatação.

Gostaram? Animados a escolher o cimento queimado em seu projeto? 
Compartilhem o que acharam!

7 comentários:

  1. Nao sabia que cimento poderia ser aplicado para dar acabamentos em uma contrucao. Penso que este tipo de material deve deIxar a construcao(casa) com uma temperatura muito agradavel no verao p?

    ResponderExcluir
  2. O cimento queimado é um revestimento bastante usado, é o antigo "piso vermelhão", hoje mais comum usar na sua cor natural. Outra coisa boa é que se ele for aplicado dentro de casa deixa o amabiente mais fresco.

    ResponderExcluir
  3. Boa noite, pra fazer da cor marrom, no estilo da última foto qual foi o material utilizado para pigmentação?
    Posso polvilhar pó xadrez marrom com cimento sobre argamassa pronta?

    ResponderExcluir
  4. Boa noite, pra fazer da cor marrom, no estilo da última foto qual foi o material utilizado para pigmentação?
    Posso polvilhar pó xadrez marrom com cimento sobre argamassa pronta?

    ResponderExcluir
  5. Oi, Iagor!

    Tudo bem?

    O cimento queimado original é sempre cinza, quando ele é quase branco ou de qualquer outra cor é porque ele recebeu corantes durante a sua execução.

    Eu não aconselharia a pintar o cimento queimado depois de pronto, não conheço nenhuma tinta que tenha durabilidade suficiente para aguentar o tráfego, a tinta vai ficar gasta em pouco tempo. Se existe alguma técnica para fazer essa pintura e garantir durabilidade, infelizmente desconheço.

    A foto da Arquidicas (com as mesas de sinuca) o cimento é colorido com corantes durante a execução.

    A última foto da Cornestone Architects é de um escritório de arquitetura americano, coloquei para mostrar o quanto as imperfeições do cimento queimado não interferem na beleza do piso, neste caso não sei precisar se foi usado corante ou não, essa tonalidade pode ter aparecido por causa da idade do piso.

    Espero ter conseguido resolver suas dúvidas.

    ResponderExcluir
  6. posso pintar com pó Xadrez pedras artificiais ou naturais e por dentro de um lago de jardim ?
    ficando submersa

    Vicente Lima Curitiba

    ResponderExcluir
  7. posso pintar com pó Xadrez pedras artificiais ou naturais e por dentro de um lago de jardim ?
    ficando submersa

    Vicente Lima Curitiba

    ResponderExcluir