0

Coifas - Ar puro e decoração

Elyzia Rodrigues | 20.11.14 | | | | |
Fazer um bolo e perfumar a casa toda com seu cheirinho pode ser muito interessante, fazer um filé suculento e acebolado também, mas depois...

Foto: Panelinha Saudável
Pode não ser tão interessante assim! 
A casa fica toda “perfumada” dos mais diferentes odores... Sem contar as partículas de gordura que impregnam em todas as superfícies que encontram pela frente.

Então como resolver essa situação?

A resposta para esses problemas pode se encontrar no uso de coifas ou depuradores.
As coifas além de diminuir a fumaça e odores do ambiente funcionam também como um bonito elemento decorativo na sua cozinha.


Foto: Casa Abril

Existem hoje no mercado coifas que não se parecem em nada com as coifas tradicionais.
Mas qual o mais adequado? 
O que precisamos saber para fazer a melhor escolha?

Vamos ver como funciona cada uma!

A coifa é um equipamento que pode ter dois modos de funcionamento, exaustão e depuração. 

COIFA-EXAUSTOR
A coifa quando funciona como exaustor troca o calor e a fumaça da cozinha e leva para o lado externo trazendo de volta ar puro e fresco.

Este processo é feito através de uma tubulação horizontal que sai pela lateral da coifa e atravessa a parede ou por uma tubulação vertical que passa pelo forro e pelo telhado até ficar totalmente livre para liberar esses gases.

Nem sempre é possível a instalação de tubulação na parede ou na laje, ou por causa de uma viga no caminho, ou pela ausência de forro, ou mesmo pela impossibilidade de fazer a abertura de dutos na fachada, caso comum em apartamentos.

COIFA-DEPURADOR
Funcionando como depurador a coifa não possui tubulação que leva o ar para fora, ela suga a fumaça e os odores da cozinha, filtra através de um mecanismo de filtros internos que podem ser metálicos, de carvão ativado ou carbono, são esses filtros que retêm as partículas de gordura e odores e o devolve ao ambiente.

Foto: Atual Store

Alguns aparelhos vão possuir as duas funções, outros somente a função de depuração.
A escolha entre as coifas vai depender de algumas características da sua cozinha e do seu fogão, tais como: instalação, dimensões, vazão, ventilação e uso. 

A coifa deve ser instalada na parede ou em ilha.
O ideal é contar com mão-de-obra especializada.
Em cozinhas tradicionais, com o fogão encostado na parede instala-se a coifa na parede, caso a parede seja de gesso acartonado deve-se verificar se ela possui estrutura interna suficiente para sustentá-la.

Foto: Casa Abril
Outra observação importante: a coifa deve ser instalada com uma distância mínima de 50,0cm de paredes laterais e armários.

Se sua cozinha for tipo gourmet e o fogão ou cooktop ficam numa ilha de cocção, então a instalação é em ilha, vale lembrar aqui que, a coifa não pode ser instalada no forro de gesso e sim na laje.
A coifa deverá ser instalada com uma distância entre 80,0cm e 85,0cm dos acendedores do fogão, deste modo, é preciso verificar se sua cozinha tem altura suficiente para a coifa de sua escolha.

Foto: Coifa Pirâmide

As dimensões da coifa devem ser proporcionais com as dimensões do fogão, ou seja:

FOGÕES
COIFAS
4 bocas
60,0 ou 70,0cm
5 ou 6 bocas
80,0 a 120,0cm

Um item importante para fazer a escolha de uma coifa é verificar a vazão de cada equipamento (m³/h). 
Essa vazão é o que indica a capacidade que o equipamento tem de sugar os odores e fumaça no menor tempo.
Esse valor vai variar bastante e para saber qual é a mais adequada há algumas dicas importantes.

Primeiro: as dimensões da cozinha
Para ter um valor de vazão mais próximo do real você precisará calcular o volume da sua cozinha e multiplicá-lo por 10, veja:

Vazão =(Comprimento x Largura x Altura) x10
Através deste valor final terá a vazão aproximada do seu equipamento.
Segundo: a intensidade do uso e o tipo da cozinha

Cozinhas em ilha, conjugadas com a sala de jantar, cozinhas americanas e cozinhas com muitos vãos de ventilação vão precisar de uma vazão maior.

Cozinhas utilizadas constantemente, com preparo constante de frituras também necessitarão de uma maior vazão.

Já nas cozinhas em que o uso é esporádico e o preparo de frituras quase não existe uma vazão menor atenderá bem as necessidades.

Lembre-se que: o dimensionamento do duto de exaustão será proporcional á vazão do equipamento.

Em cozinhas muito pequenas comum em muitos apartamentos, um depurador compacto pode atender muito bem as necessidades de purificação do ar, desde que observadas o uso e a vazão.

Foto: Casa Abril

Ainda em dúvida?
Há no mercado vários modelos e dos mais variados preços. 
Coifas de vidro incolor ou colorido, coifas tubulares, inclinadas, verticais e até mesmo coifas que simulam lustres pendentes.


Foto:Coifas para instalação em ilha


Foto: Coifas tubulares

Escolha a coifa que combinar com a decoração da sua cozinha, ou já pense na decoração da cozinha tendo o modelo em mente. 
Com essas dicas você conseguirá conciliar, rendimento, beleza e preço.

Foto: Coifas para instalação na parede

A limpeza de coifas não é tão simples como a do fogão ou cooktop, por isso, algumas empresas oferecem o serviço especializado em limpeza de coifas.

Busque em sua cidade informações a respeito dessas empresas quando perceber que seu equipamento precisa de limpeza.

Foto: Exclusive Home
Alguns modelos de coifas já avisam quando a limpeza deve acontecer.
E por último...
Para o bom aproveitamento da funcionalidade das coifas, exautores ou depuradores ligue 5 minutos antes de iniciar a cocção e desligue 10 minutos  depois de terminá-la.

Fonte:







Nenhum comentário:

Postar um comentário