3

21 Dicas para uma vida bem sucedida na arquitetura

Elyzia Rodrigues | 30.7.15 | | | | |
Você saiu da faculdade e agora está diante do mercado de trabalho, mas como ter uma vida bem sucedida trabalhando com arquitetura

Pode ser que já tenha ouvido falar a respeito disso, mas ainda se vê perdido diante de tudo, sem saber por onde começar.  

Foto: Bol
Espaço Natura - Cajamar - SP
Arquitetura: Roberto Loeb - 1996-2001

Vamos lá:

1. Começando sua carreira

•Você pode começar a validar horas em programas de treinamento assim que terminar o colegial.
•Se você ainda não começou a fazer isso, se inscreva em um desses programas durante sua graduação!

*Lembre-se toda hora é hora de fazer alguma coisa! Se você se formou mas não conseguiu fazer isso, aproveite o início da carreira para correr atrás do prejuízo. Não perca mais tempo!

2. Não se prenda a escritórios da "velha guarda"

•A juventude é o futuro
•Escritórios precisam incorporar as ideias, energia e entusiasmo dos jovens.
•Fique atento ao que os Millennials (Geração Y) do escritório estão fazendo.
•Assegure-se de que os jovens profissionais são valorizados nos escritórios onde você fizer entrevistas.

*Não se prenda a eles, mas não deixe de conviver com eles, os escritórios da “velha guarda” têm ainda muito que ensinar, saiba ouvir e tirar proveito disso pra você.

Foto: Já Sabia

3. Contatos = a chave para o progresso

•Conheça todos na comunidade arquitetônica e dos campos adjacentes (de todas as idades e níveis de experiência)
•Não subestime o valor de uma associação ao IAB ou ao CAU (ou outras entidades profissionais) e oportunidades de fazer contatos.
*Parceria é tudo na vida! A carreira de Arquitetura é uma carreira que depende de boas parcerias para se desenvolver bem. Engenheiros, designers, marceneiros, serralheiros, empreiteiros, são apenas alguns dos seus parceiros.

4. Não se aborreça com clientes que pensam que sabem tudo sobre arquitetura
•Seja paciente.
•Eduque e mostre várias opções (processos de raciocínio diversos) para abrir a discussão.
•Seja profissional.
•Lembre-se que você foi educado(a) como um(a) arquiteto(a) (o/a cliente não)

*Aprenda a ouvir o que o cliente quer, aprenda a percebê-lo e se colocar no lugar que ele está, ele talvez tenha uma cultura ou educação diferente da sua, aprenda a aceitar essa diferença.

5. Não tome decisões que não possam ser revistas
•O mundo da arquitetura é muito pequeno.
•Suas ações e decisões serão lembradas.

*Uma decisão incorreta algumas vezes será lembrada para sempre. 

Foto: Pinterest
 Rádio Nacional Brastislava - Slovakia

6. Procure ser o n° 1
•Essa é a sua carreira, e apenas sua.
•Assegure-se de que você esteja adquirindo experiência e aceitando as oportunidades e compensações.
•Se não estiver, siga em frente!

*Não tenha medo de mudar o rumo da carreira se achar necessário, você só conseguirá ser o nº 1 se estiver satisfeito com a forma que realiza seu trabalho. 

7. Faça-se ouvir
•As melhores ideias nunca são incorporadas aos projetos a menos que sejam ouvidas, apresentadas e defendidas.
•Muitos processos e detalhes podem ser melhorados se você simplesmente mostrar soluções mais adequadas àqueles que tomas as decisões.
•Melhorias são sempre apreciadas por diretores e clientes.

*Primeiro ouça e depois de faça ouvir.

8. Você deve projetar sua carreira e posição
•Todos somos únicos = posições/empregos únicos
•Reflita continuamente sobre suas experiências para determinar o que você quer realmente fazer.
•Tome decisões para alcançar seus objetivos.

*Na vida tudo o que queremos conquistar precisa de PLANEJAMENTO, ás vezes de prazos longo, médio ou curto. Observe-se, faça planos menores e de curto prazo se não consegue fazer planejamentos de longo prazo de imediato. Isso acabará como treino. 

9. Diferencie-se
•Desenvolva suas habilidades únicas.
•Demonstre como elas fazem de você um profissional melhor.
•Utilize essas habilidades para fazer as coisas por conta própria.

*Para conhecer seus talentos é preciso antes saber se perceber, se conhecer. Esse é um processo que não se acaba.

10. Não confunda um estágio com um emprego de tempo integral
•Um estágio te introduz ao modo como o escritório funciona e os projetos são desenvolvidos.
•Empregos de tempo integral implicam em responsabilidades e produtividade (prazos)
•Empregos de tempo integral = estresse!

*Não confunda estágio com emprego, mas seja responsável, comprometido e aproveite a oportunidade de aprender. Aprenda a negociar para adequar as suas necessidades com as necessidades do outro.

11. A tecnologia nos guiará
•Você deve ficar na vanguarda da tecnologia.
•Seja voluntário para aprender novos softwares e lidere sua implementação no escritório.
•Aprenda BIM e domine essa ferramenta ainda na graduação.

*Acompanhe o quanto conseguir, saiba priorizar essa dica em relação as outras questões da carreira. Não adianta saber do lançamento do último software e deixar a desejar ao elaborar um bom projeto.

Foto: Notícias Arquitectura
Casa Convento - Equador
Arquitetura: Enrique Mora Alvarado

12. Sustentabilidade é seu legado e oportunidade
•Se você se dedicar a aprender muito sobre sustentabilidade ainda na graduação, poderá compartilhar seus conhecimentos com os demais arquitetos do escritório, conquistando respeito.
•Assuma a liderança em sustentabilidade no escritório onde trabalha.
•Torne-se um LEED Green Associate ainda na graduação.

*Ainda há muita resistência para esse assunto em algumas áreas do mercado, mas não desista, sustentabilidade, embora não devesse, ainda é um aspecto que nem todos assumem como necessário.

13. Você precisa se aprofundar em ambientes construídos sustentáveis
•Você deve educar todos sobre sustentabilidade.
•O resultado virá na forma de futuros clientes.

*Sustentabilidade é um processo ainda em desenvolvimento para todos, aprenda e ensine!

14. Construa comunidades
•Apenas 2% das pessoas podem bancar os serviços de um arquiteto.
•O que você está fazendo para ajudar os outros 98%.
•Envolva-se com sua comunidade.

*Creches comunitárias, centros de assistência, centros esportivos, tem muita gente construindo por conta própria, pois não podem pagar um serviço de arquitetura. Se envolva, você ganha experiências que dinheiro nenhum pagaria. Crie formas diferentes de troca.
Foto: ideias Quentes
Arquitetura: Shigeru

15. Salve a profissão
Arquitetos não são justamente recompensados porque o público em geral não valoriza (ou sabe) o que fazemos.
•Ensine, compartilhe, mostre e demonstre aos outros como podemos melhorar o mundo.

*A principal razão da existência desse espaço é essa! Ensinar, compartilhar, aprender!

16. Educação não acaba na escola
•Você deve permanecer na vanguarda do conhecimento em materiais, sistemas e tecnologias.
•Não deixe o mundo te passar para trás.

*Está com a sensação de que agora está pronto para aprender? Mãos á obra!

17. Oriente
•Ajude a ensinar a próxima geração.
•Uma via de mão dupla (olhe para frente e para trás).
•Você aprenderá algo no processo e se lembrará o porquê de ter escolhido essa profissão.

*Volte e leia o item 2.

18. Não deixe o mau humor te pegar
•Inspire-se continuamente na geração mais nova e aproveite seu otimismo e energia.
•Seja um profissional positivo e otimista.

*Isso vale pra tudo na vida!

19. Conserte algo
•O mundo está repleto de problemas.
•Escolha um ou dois deles e os corrija.

*Problema e trabalho jamais faltarão! Mantenha os olhos bem abertos ao que está á sua volta.

20. Complete a tarefa
•Você iniciou o processo de se tornar um arquiteto... Então conclua.
•Mantenha seus olhos no prêmio!

*Nunca se sinta menor por não seguir a carreira como os outros esperam, (fazendo projetos, construindo...). A Arquitetura oferece um mundo de possibilidades. Não tenha medo de usar o que aprendeu e se aventurar! 


21. Consideração final
•O edifício mais fácil de se projetar é uma caixa, mas arquitetos não projetam caixas.
Arquitetura tem a ver com servir aos outros através do projeto do ambiente construído.
•Assegure-se de que seu trabalho sirva aos outros e contribua com um mundo mais sustentável.

*A função do arquiteto é criar um mundo melhor! Não é fácil, não é rápido, mas é possível! Vem com a gente!

Foto: Arcoweb
Capela - Recife
Arquitetura: Paulo Mendes da Rocha e Eduardo Colonelli

Espero que essa lista faça você pensar sobre a época em que estava concluindo a escola e embarcando em sua carreira.

Se você pudesse voltar atrás e dar algum conselho ao seu eu mais jovem, o que você diria? 
Que conselho você daria à próxima geração de arquitetos

Gostou das dicas? 
Compartilhe com a gente  suas opiniões.

*Observações de Elyzia Rodrigues.

Esta postagem também pode interessar: 
7 dicas para ser mais produtivo no dia-a-dia


Fonte:
Texto publicado no site Archdaily Brasil em 23/04/2013, sobre um texto publicado por Kevin Singh, professor Associado de Arquitetura na Escola de Design da Louisiana Tech University e Diretor do Community Design Activism Center (CDAC) desde 2006. 


3 comentários: